Home

MISSÃO FRANÇA:  LA SAINTE-CHAPELLE

531px-SteChapelle_von_N

La Sainte-Chapelle (Santa Capela) é considerada como uma jóia do gótico resplandecente. Está situada na Île de la Cité bem no centro de Paris. Foi construída no século XIII por Luis IX, projetada em 1241 e construída entre 1246 e 1248 para servir ao Palácio Real hoje substituído pelo atual Palácio da Justiça. É, portanto um símbolo religioso e político importante para a história francesa.

Depois de terminada, segundo o costume da época a Ste-Chapelle necessitava ser santificada pela presença de relíquias apropriadas e, assim, obteve-se a suposta coroa de espinhos de Cristo, obtidas do imperador latino de Constantinopla, Balduíno pelo valor de 135.000 libras. Detalhe que a construção da Capela custou 45.000 libras. Além de outras relíquias, acrescentou-se ainda um fragmento da Vera Croix (alusão à verdadeira de Jesus). Desta maneira, o edifício tornou-se um precioso relicário.

O templo consiste em duas capelas sobrepostas, a inferior reservada aos funcionários e moradores do palácio, e a superior para a família real. Os aspectos mais belos e notáveis da construção, considerados os melhores do seu gênero em todo o mundo, são os seus vitrais emoldurados por um delicado trabalho em pedra, com rosáceas acrescentadas à capela superior no século XV.

Durante a Revolução Francesa a capela foi transformada em escritório administrativo e os vitrais foram tapados com enormes armários.  Associa-se a esse fato a preservação da mesma do vandalismo que sofreu em outras partes, que destruiu os assentos do coro, o painel do altar principal e o pináculo do teto que foi posto abaixo e a dispersão das muitas das suas relíquias. No século XIX Viollet-le-Duc restaurou a Sainte-Chapelle, e o pináculo atual é obra sua.

Atualmente a Sainte-Chapelle e a Conciergerie são as únicas partes ainda visíveis do mais antigo palácio dos reis da França e eu queria muito conhecer essa Chapelle porque era um lugar muito bem recomendado pela descrição de seus vitrais como os mais bonitos e antigos de Paris.

IMG_3156

IMG_3162

Era  final de tarde de quinta-feira de janeiro de 2013 e eu já havia visitado a Conciergerie que fica no mesmo quarteirão,. Ao entrar na capela superior fiquei extasiada de tanta beleza e luminosidade apesar do horário.  Quase toda a lateral do prédio é praticamente de vitral colorido, uma visão que veio como um presente naquele dia, pois amo vitrais e como a luz passa por eles e ilumina os espaços.

DSCF3181

Tinha muita gente e quase não dava para me movimentar como eu gostaria, mesmo assim não resisti tirei meu tecido da mochila, dancei me movimentando discretamente e me misturando com as pessoas no local.

Depois fiquei refletindo sobre sua história e sobre as relíquias sagradas que foram usadas segundo a crença para “santificação” do templo. Os reis e líderes cristãos daquela época eram muito religiosos, mas a meu ver não entenderam que o sangue derramado na cruz já era o preço pago por Jesus para a santificação de todo aquele que se diz verdadeiro seguidor de Cristo. As relíquias podem ser usadas para memória de algo ou alguém, podem ser “lembranças” históricas, mas não creio que passem disso. Mesmo assim, quem pode garantir que a coroa de espinhos é realmente a que Jesus usou?

As imagens foram registradas por minha filha Isa Coimbra. A trilha sonora são as vozes das pessoas que estavam por perto.

DSCF3187

Em andanças…

Isabel Coimbra

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s